quinta 17 abril 2014 . 09:01 . Atualizado às 08:20

esportes/Lutas

RSS

Na noite deste sábado (10), em Toronto, no Canadá, o brasileiro faz a luta principal contra o atual campeão dos meio-pesados do UFC em busca do cinturão que já foi dele.

[ i ] Jones tem um currículo perfeito, mas Lyoto quer recuperar o cinturão que já foi dele Foto: Divulgação / UFC Jones tem um currículo perfeito, mas Lyoto quer recuperar o cinturão que já foi dele

Manaus - Aos 24 anos, campeão mundial dos meio-pesados do Ultimate Fighting Championship (UFC) e com uma aura de imbatível. É assim que o norte-americano Jon ‘Bones’ Jones entra no octógono na luta principal do UFC 140, na noite deste sábado (10), em Toronto, no Canadá. E foi assim que o brasileiro Lyoto Machida já foi visto no UFC, em maio de 2009, quando ainda invicto conquistou o mesmo cinturão de Jones nocauteando o então campeão Rashad Evans.

Era o início da chamada ‘Era do Dragão’, animal símbolo de Lyoto. Mas a Era durou apenas uma defesa de cinturão. Primeiro venceu o curitibano Maurício ‘Shogun’ Rua por decisão unânime dos juízes. Mas logo em seguida, na revanche, Lyoto perdeu para o mesmo rival por nocaute no primeiro round.

Já Jones tem um cartel quase perfeito. São 14 vitórias em 15 lutas. Na única ‘derrota’, Jones não foi superado pelo adversário, no caso o compatriota Matt Hamill, mas desclassificado da luta por ter aplicado uma cotovelada ilegal. Neste ano, só shows. Em fevereiro, Jones venceu o até então invicto Ryan Bader. Menos de um mês depois, nocauteou o então campeão Shogun. E, em setembro, finalizou o ex-campeão Quinton ‘Rampage’ Jackson.

O objetivo do norte-americano agora é conseguir o que nenhum campeão fez desde Tito Ortiz, em 2006: defender o cinturão mais de uma vez e, efetivamente, inaugurar uma Era.

Tudo ou nada para Lyoto

A primeira derrota na carreira não se mostrou um fato isolado quando o brasileiro voltou a perder no combate seguinte, por decisão dividida dos juízes. O resultado foi polêmico e Lyoto não escondeu a frustração. Somente em maio deste ano, ele voltou a sentir o gosto da vitória ao aplicar um belo chute e nocautear o lendário Randy ‘The Natural’ Couture. Esta foi a última luta da carreira de Couture. Somente ele e BJ Penn conquistaram dois cinturões em categorias diferentes no UFC (meio-pesados e pesados, no caso do The Natural, e leves e meio-médios, no caso de Penn).

Este retrospecto recente, duas derrotas nas últimas três lutas, fez parte dos fãs de MMA e da imprensa questionarem o UFC dar a Lyoto a chance pelo cinturão. A princípio, o desafiante seria o ex-campeão Rashad Evans, mas uma contusão tirou o lutador do card de dezembro e colocou o brasileiro.

Aos 33 anos, nove a mais que Jones, Lyoto terá dificuldades para restabelecer a Era do Dragão. O brasileiro é oito centímetros mais baixo e tem 27 centímetros a menos de envergadura que o campeão. Ser campeão será uma meta difícil para o Dragão alcançar.

Outras lutas

Ainda no card principal do UFC 140, os gêmeos Rodrigo ‘Minotauro’ Nogueira e Rogério ‘Minotouro’ Nogueira voltam a lutar na mesma noite, como já aconteceu no extinto torneio Pride. Pelos pesos pesados, Minotauro busca uma revanche diante do norte-americano Frank Mir. Vindo de uma vitória no UFC Rio sobre Brendan Schaub, o veterano busca afirmação para escapar da aposentadoria. Mesma situação do irmão Minotouro, que enfrenta o também veterano Tito Ortiz, pelos meio-pesados. Ortiz já admite se aposentar em maio de 2012, quando completa 15 anos de carreira. Já Minotouro, que vem de duas derrotas nas últimas duas lutas, um novo revés pode determinar uma saída imediata do evento.

Pesagem

Na pesagem, realizada na sexta-feira (9), a única grande distorção do card principal foi entre Mir e Minotauro. O norte-americano pesou 117,934 quilos contra 108,408 de Minotauro, quase dez quilos de diferença. Nas outras categorias, todos bateram pesos semelhantes.

No D24am.com, você pode comentar também a partir das redes sociais mais populares. Você só precisa logar-se na rede de sua preferência. Todos os comentários serão moderados pelo D24am.com

Serão rejeitadas mensagens que desrespeitem a lei, apresentem linguagem ou material obsceno ou ofensivo, sejam de origem duvidosa, tenham finalidade comercial ou não se enquadrem no contexto do d24am.com. A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores.